6 Elementos base para um plano detox

Posted by joana

A base de um plano detox deve incidir principalmente em alimentos que promovam uma espécie de limpeza do fígado e que promovam o bom funcionamento dos rins e intestinos.

O fígado é o órgão que acumula todas as toxinas a que nos sujeitamos no dia-a-dia , desde excessos alimentares, aos tóxicos da poluição. Trouxemos este tema pois tempos de festa há sempre alguns excessos e nestas alturas o fígado encontra-se cansado. Para isso devemos alimentar este órgão com alimentos que não exigem grande esforço por parte deste. Igualmente devemos incluir alimentos que ajudem os órgãos responsáveis por eliminar as toxinas, a funcionar corretamente. São eles os intestinos e os rins.

 

1.Vegetais verdes

Os vegetais além de ricos em vitaminas e minerais são ricos em fibra, ajudando no funcionamento do intestino, sendo este um dos órgãos essenciais na eliminação de toxinas. Consumi-los de preferência cozidos ou em sopa. Se optar por cozidos, dê preferência ao cozimento leve ou a vapor, pois estes retêm mais os nutrientes e o sabor dos mesmos. Dar preferência igualmente aos vegetais mais ricos em água, como o pepino.

 

2. Frutas

Ananás/Abacaxi.

Além de rico em água e fibras, é rico em enzimas digestivas – bromeleina- tónicas e calmantes. Veja mais aqui.

Papaia.

Contém enzimas digestivas – papeína- dando efeito calmante sobre o trato digestivo, além do efeito diurético e laxante que contém.

Maçã

A maça tem uma ação adstrigente, ajudando no processo de digestão.

 

3. Fibras

Alimentos ricos em fibras ajudam no bom funcionamento do intestino e consequente eliminação de toxinas, além de saciarem, juntam-se às gorduras ajudando estas a serem mais facilmente eliminadas em vez de absorvidas pelo organismo.

Pode fazer uma mistura de: 1 colher de sobremesa de sementes de linhaça castanha, 1 de farelo de trigo e 1 de sementes de chia e tomar uma vez por dia junto com a sopa, iogurte, batido ou mesmo água.

 

4. Alho

O alho tem propriedades anti-inflamatórias e melhora as enzimas do fígado, ajudando na limpeza. Opte por colocar mais nos seus cozinhados, de preferência cortado ou moído, em vez de inteiro, pois só assim as suas propriedades são libertadas.

 

5. Gengibre

Todas as especiarias são boas pois têm poder antioxidante e anti-inflamatório. Mas destacamos o gengibre, por ser conhecido pelas suas propriedades calmantes, digestivas e grande poder anti-inflamatório. É fácil consumi-lo. 

Aqueça em água a ferver um pouco da raiz e vá tomando ao longo do dia. Veja mais aqui.

 

6. Líquidos

Copo água morna com limão em jejum.

Ingerir pelo menos 1,5L de água diariamente é importante para todo o organismo funcionar corretamente. 1 copo de água morna com umas gotas de limão ajuda o corpo a eliminar toxinas.

Chá de alcachofra ou cardio mariano.

Se não gostar de água pode optar por beber líquidos em forma de chás que ajudam também no processo de limpeza do organismo. A alcachofra e o cardio mariano são plantas conhecidas por serem plantas com efeito tónico sobre o fígado.

 

Veja ainda as nossas sugestões:

Alternativas simples à água.

 

Joana R. Lewis

Licenciada em Dietética e Nutrição, pela ESTeSL.